Fique por dentro de
novos assuntos e dicas aqui
no Blog C&C.

Saiba como fazer manutenção em piscinas

Confira todas as etapas que envolvem a manutenção de piscinas
  Saiba como fazer manutenção em piscinas

Ter uma piscina em casa é a garantia de bons momentos de lazer e diversão, afinal, não há nada melhor do que desfrutar de um bom banho naqueles dias em que as temperaturas estão mais altas, não é mesmo?

Mas, para que a água esteja sempre adequada para o uso, é necessário realizar manutenções periodicamente, a fim de mantê-la sempre limpa e segura para os usuários.

Além de deixar a água cristalina, removendo qualquer sujeira e odor, esse tratamento também é essencial para eliminar as bactérias e micro-organismos responsáveis pela transmissão de diversas doenças.

E é por isso que, no post de hoje, nós vamos mostrar como você pode fazer a manutenção da sua piscina. Confira!

Conheça o volume da sua piscina

Antes de começar a manutenção, é preciso saber o volume de água da sua piscina; isso é muito importante para descobrir a quantidade exata de cada produto que você deve utilizar.

Se você ainda não sabe, é muito simples: basta multiplicar as medidas de comprimento, largura e profundidade — no caso de piscinas com profundidades diferentes, é só pegar a profundidade menor e somar à maior, e, depois, dividir o resultado da soma por dois.

Limpe o entorno da piscina

Antes de pensar em toda a parte química, a primeira coisa que você deve fazer é remover, com o auxílio de uma peneira, todo tipo de sujeira que estiver no entorno da sua piscina — como folhas, flores, galhos, insetos, fios de cabelo e demais impurezas.

Feito isso, é necessário higienizar o interior da piscina. Com uma escova de cerdas macias, limpe o fundo, as laterais e as bordas.

Depois, realize a decantação. Nessa etapa, é necessário utilizar um clarificante ou decantador; esses produtos são responsáveis por aglomerar todos os resíduos que restarem, depositando-os no fundo da piscina e separando-os da água.

Por fim, aspire todos os resíduos que estiverem reunidos no fundo. Esse processo é extremamente importante e necessário. pois ele garante uma limpeza mais eficiente e melhor qualidade da água.

Ajuste a alcalinidade e o pH

Para iniciar o tratamento químico, é necessário medir e ajustar a alcalinidade e o pH da água. Para isso, é necessário ter em mãos os medidores específicos para cada função.

A alcalinidade consiste na capacidade que a água tem de neutralizar os ácidos fracos, mantendo, dessa forma, o pH estável. A taxa recomendável deve se manter entre 80 e 120 ppm (partes por milhão).

Para medi-la, você deve utilizar Kit Teste de Alcalinidade; se o resultado obtido não corresponder aos níveis ideais, é necessário ajustá-la.

Com a alcalinidade estabilizada, é hora de verificar o pH — que deve permanecer entre 7,2 e 7,6. Para verificar o nível, utilize um Kit Teste de pH e Cloro. Se o resultado obtido for menor que 7,2, é necessário aumentar o nível, mas, se for maior que 7,6, você deve reduzi-lo.

Somente utilize os kits e reguladores recomendados e repita esse procedimento semanalmente.

Aplique o cloro e o algicida

A função do cloro é desinfetar a água, deixando-a livre dos micro-organismos causadores de doenças e impedindo que o mosquito Aedes Aegypti — o famoso mosquito da dengue — deposite seus ovos na água. Portanto, essa é uma etapa muito importante para a sanitização da piscina.

Recomenda-se que a aplicação do cloro seja feita três vezes por semana e, de preferência, no final da tarde ou à noite — já que o sol pode causar a sua evaporação.

Já o algicida possui uma fórmula que age especificamente para combater os focos de algas na água, impedindo a sua proliferação.

Aplique o produto uma vez por semana — sendo 6ml de algicida para cada 1000L de água — e tome cuidado para não aplicá-lo no mesmo dia que o cloro, pois a junção dos dois produtos pode deixar a água turva.

Filtre a piscina

Depois de finalizar os tratamentos químicos, é hora de realizar a filtragem da piscina. É importante que essa etapa seja executada de acordo com as recomendações do fabricante do filtro.

Além disso, há outras ações que também devem ser executadas periodicamente; atente-se ao bom estado dos materiais e a necessidade de renová-los e, também, não se esqueça de realizar a limpeza dos filtros e de trocar o elemento filtrante, ao menos, uma vez por ano.

A execução de todas essas etapas, bem como a utilização de produtos e equipamentos com qualidade comprovada, são essenciais para cuidar da piscina de forma eficaz e garantir banhos mais seguros, portanto, não deixe de contar com profissional especializado em manutenção de piscinas para auxiliá-lo durante esse processo.

Agora que você já sabe como garantir uma piscina agradável e segura para todos, acesso o nosso site e confira as soluções que nós temos para você!

Compre na C&C

Peneira para Piscina com Cabo em Alumínio 1,5 Metros Peneira para Piscina com Cabo em Alumínio 1,5 Metros
Kit para Teste de Ph E Cloro da Água da Piscina Kit para Teste de Ph E Cloro da Água da Piscina

Produtos que você visitou